Jornalista critica “crentalhada” e apaga perfil no Facebook

Segundo investigação da Polícia Civil de São Paulo, o depoimento de Patrícia Lélis sobre suposto sequestro não se sustenta de acordo com as provas

Fonte: site catraca livre:

Jornalista critica “crentalhada” e apaga perfil no Facebook

18/08/2016 18:45
por Redação

Segundo notícia divulgada pelo jornal O Estado de S. Paulo na tarde desta quinta-feira, 18, a militante do Partido Social Cristão (PSC), Patrícia Lélis – que acusa o deputado federal Marco Feliciano de estupro e agressão – atacou publicamente a “crentalhada” que, segundo ela o parlamentar por “desespero”.

“Uma coisa é fato: você pode denunciar o seu vizinho, o seu amiguinho ou até mesmo o seu pai e irmão. Mas se você denunciar um pastor, vulgo ‘homem de Deus’ e da então direita, que diz odiar criminoso, a crentalhada e a militância entram em total desespero”, postou. Em seguida, Patrícia apagou seu perfil no Facebook.

Reprodução

Créditos: Reprodução / Facebook

Ex-militante do Partido Social Cristão, Patrícia Lélis acusa Marco Feliciano por suposta tentativa de estupro e partido por omissão

Nesta semana, a jovem foi indiciada pela polícia civil de São Paulo por calúnia e extorsão após acusar Talma Bauer, assessor de Feliciano, de sequestro e cárcere privado. Por meio de testemunhas e provas que deslegitimaram a teoria de sequestro, a investigação concluiu que Patrícia forjou uma versão.

Por ser deputado federal, Feliciano tem foro privilegiado e o processo em Brasília (DF).

 

 

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s