Senado vota hoje impeachment de Dilma; acompanhe o dia

 

8:22

Sessão começa com leitura do parecer do relator Antonio Anastasia (PSDB-MG)

A votação do impeachment está marcada para começar às 9h e pode se estender até a madrugada de quinta-feira (12). Os trabalhos devem se iniciar com a leitura da parte conclusiva do parecer do relator Antonio Anastasia (PSDB-MG). Ele pode falar no plenário. Todos os 80 senadores, exceto o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), poderão discursar por um período de 10 a 15 minutos para justificar sua posição. A expectativa é que os pronunciamentos se arrastem por 16 horas. Mas alguns parlamentares já avisaram que, para colaborar com o andamento das atividades, não usarão todo o tempo de que dispõem. Leia Mais

Sessão começa com leitura do parecer do relator Antonio Anastasia (PSDB-MG) - Adriano Machado/Reuters
08:19

O que acontece se o impeachment for aprovado hoje?

Se o Senado aprovar a abertura do processo de impeachment, a presidente Dilma Rousseff é notificada e pode ficar afastada do cargo por até 180 dias –se o julgamento não acabar nesse prazo, ela volta ao cargo. O vice-presidente, Michel Temer (PMDB-SP), assume a Presidência interinamente, com poderes plenos. Se os senadores decidirem não levar adiante a cassação do mandato de Dilma, a denúncia é arquivada e fica extinto o processo contra Dilma. Leia Mais

O que acontece se o impeachment for aprovado hoje? - André Dusek/ Estadão Conteúdo
08:12

Discursos de senadores na votação do impeachment podem se arrastar por mais de 16 horas

Em uma sessão histórica e sem hora para acabar, o Senado decide hoje (11) se afasta a presidente Dilma Rousseff e abre processo por crime de responsabilidade contra ela. Para que o impeachment seja aprovado, a oposição precisa reunir mais da metade dos votos dos presentes, ou seja, maioria simples, com quórum mínimo exigido de 41 senadores para que os trabalhos possam ser iniciados. A sessão está marcada para começar às 9h e será dividida em três blocos: das 9h às 12h, das 13h às 18h e, por último, outro a partir das 19h. Até o fim da noite de ontem (10), 67 senadores pediram para discursar, o que pode estender a votação até a madrugada de quinta-feira (12). Como cada senador terá até 15 minutos para falar, e a expectativa é que os discursos se arrastem por 16 horas. Mas alguns parlamentares já avisaram que, para colaborar com o andamento das atividades, não usarão todo o tempo de que dispõem. Leia Mais

Discursos de senadores na votação do impeachment podem se arrastar por mais de 16 horas - Jane de Araújo/Agência Senado
08:08

Papa Francisco pede “harmonia” e “paz” para Brasil enfrentar crise política

O papa Francisco desejou que o Brasil “siga pelo caminho da harmonia e da paz” para superar a crise política que atravessa, durante audiência geral realizada na Praça de São Pedro no Vaticano, nesta quarta-feira (11). “Nestes dias em que nos preparamos para Pentecostes, peço ao Senhor para que o país, nestes momentos de dificuldade, siga pelo caminho da harmonia e da paz com a ajuda da oração e do diálogo”, disse o pontífice, durante as saudações em português e ao se referir aos brasileiros. Francisco também pediu que “Nossa Senhora de Aparecida, que como uma boa mãe nunca abandona seus filhos, que os proteja e guie neste caminho”. Esta é a primeira mensagem do papa sobre a situação política no Brasil devido ao possível impeachment da presidente Dilma Rousseff. Leia Mais

Papa Francisco pede "harmonia" e "paz" para Brasil enfrentar crise política - Reprodução
08:05

As 12 reviravoltas no processo de impeachment da presidente Dilma

Cinco meses depois de o então presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), aceitar o pedido de impeachment de Dilma Rousseff, o processo chega em sua reta final nesta quarta-feira (11), com a votação dos senadores sobre a abertura do julgamento de impeachment da petista. Mas ao longo de todo esse tempo houve inúmeras reviravoltas. Relembre as principais. Leia Mais

As 12 reviravoltas no processo de impeachment da presidente Dilma - Alan Marques/ Folhapress
07:48

Lula já articula oposição a governo Michel Temer

Certo de que foram inócuas as últimas cartadas do governo para sustação do processo de impeachment de Dilma Rousseff, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva já se dedica à costura da estratégia de oposição ao governo de Michel Temer (PMDB). Segundo seus aliados, Lula só viajou a Brasília em solidariedade a Dilma. Na quinta-feira (12), ele pretende estar ao lado dela na saída do Planalto, caso o Senado autorize seu afastamento. Leia Mais

Lula já articula oposição a governo Michel Temer - Sérgio Lima/Folhapress
07:33

Opinião: “Espera-se que a votação do impeachment no Senado seja mais refinada”

Em artigo publicado no UOL, Erick Wilson Pereira, presidente da Comissão Especial de Direito Eleitoral da OAB e doutor em Direito Constitucional, afirma que “não é demais pedir um pouco de consideração” aos políticos para que que sessões importantes —como a votação do processo de impeachment— não sejam marcadas por cenas de “fanfarrice” e “selvageria”. “Não é demais pedir um pouco de consideração com os sentidos dos eleitores. Que desta feita nos poupem: da impiedade dos ataques ao léxico; do desatino dos bolões, confetes e serpentinas; da vulgaridade dos cartazes e faixas; ou do exotismo (peço licença para abusar de eufemismos), da fanfarrice e selvageria de cenas incompatíveis com o decoro de um parlamento. Sobretudo, espera-se que a tribuna não seja usada para, em ato solene e grave da vida política nacional, dar cusparadas ou homenagear torturadores e terroristas.” Leia Mais

Opinião: "Espera-se que a votação do impeachment no Senado seja mais refinada" - Marcelo Camargo/Agência Brasil
07:27

Collor teve 1º impeachment da América Latina; veja curiosidades pelo mundo

O processo de impeachment é instrumento antigo para retirada de líderes do poder e já foi usado em diversas partes do mundo. A América Latina, em geral, registra muitos casos, mas não detém o recorde mundial. Você sabe qual país tem essa marca? Sabe quem já conseguiu reverter? Veja essas e outras curiosidades sobre o processo, atualmente em andamento no Brasil. Leia Mais

Collor teve 1º impeachment da América Latina; veja curiosidades pelo mundo - Arte/UOL
07:18

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s